segunda-feira, 23 de junho de 2008

Atrasos

Estou claramente atrasada no meu relato da viagem à Bolívia. Entretanto, já fomos a Santos, uma cidade no litoral do estado de São Paulo, no Brasil. Foi uma visita de médico, uma viagem-relâmpago, para assistir ao casamento de um amigo. Foi muito bom voltar ao Brasil, ainda que por pouco tempo, e ver casas à portuguesa, com telhados à portuguesa, calçada portuguesa, comer croquetes e eles saberem a Portugal e falar português o tempo todo. É certo que nem sempre nos entendem e que temos de forçar um pouco a abertura das vogais nas palavras, mas a língua continua a ser a mesma.

Que bom é estar no Brasil.

1 comentário:

mariana.santos.ramos disse...

Viajar é bom, não é verdade?
Mas, às vezes, ainda é melhor do que bom - é óptimo.
Com vogais mais ou menos abertas, é uma maravilha poder falar a nossa língua tão longe de casa...